Novas tecnologias geralmente surgem com algumas intenções semelhantes entre si: economizar tempo,  dinheiro e otimizar trabalho.

Mas será que isso se aplica aos garçons? Afinal de contas, a tecnologia também está mudando a forma como bares e restaurantes trabalham.

Nesse setor, a era digital atua de diversas maneiras, em especial, para facilitar a vida do consumidor. E isso envolve boa parte das funções do garçom, que agora ficam sob a responsabilidade do próprio cliente.

Já existem diversas soluções, por exemplo, que permitem que o cliente faça o pedido de maneira independente. Uma delas é o isyBuy, onde ele pode abrir o cardápio e selecionar o que vai comer diretamente do aplicativo.

Outro serviço que é tradicionalmente dos garçons é levar a conta para a mesa e de volta para o caixa. Alguns aplicativos já permitem que o cliente feche a conta e efetue o pagamento diretamente do celular, de maneira rápida e simples.

Nem tudo pode ser substituído por tecnologia

Nós já mostramos alguns serviços em que, com a tecnologia, os garçons não precisariam mais fazer. Entretanto, a tecnologia não é capaz de substituir por completo certas funções, em especial dos garçons.

A mais básica delas é levar os produtos da cozinha para as mesas. Uma função que deve ser responsabilidade dos garçons por diversos motivos, ela não pode ser substituída por tecnologia (pelo menos ainda).

Atender o cliente, entender o que ele deseja, é algo que a tecnologia também não consegue suprir. Organizar o ambiente também é responsabilidade dos garçons, uma que aplicativo nenhum é capaz de assumir.

O novo garçom

Você pode pensar que a maioria do serviço dos garçons será desnecessária com a tecnologia, e, provavelmente, você está certo. Entretanto, já que eles são mesmo indispensável, qual é a função que eles devem exercer na era digital?

Pense no garçom como um amigo especialista do cliente. Com menos tempo desperdiçado em tarefas mecânicas, como anotar pedidos, ele poderá se dedicar a melhorar a experiência de quem entra no seu restaurante (e continuar o fotógrafo oficial da mesa).

Ele vai dar sugestões do cardápio, falar sobre o estabelecimento e conversar com o cliente. Ele vai ser o diferencial do seu bar ou restaurante – além da tecnologia.

Não pense que o “fera” será extinto com a era digital, ele ainda vai ser indispensável por muito tempo. Então, por que não utilizá-lo da melhor maneira possível em seu restaurante?

Entretanto, os garçons só estarão livres para atuarem assim se você fizer bom uso das novas tecnologias disponíveis.

O isyBuy é um aplicativa que resolve diversos problemas no seu estabelecimento. Funciona como marketplace, anota pedidos no sistema order ahead e pode funcionar como delivery também.

Além disso, o isyBuy é uma comanda digital. O cliente entra, registra a mesa em que está e faz os pedidos direto do aplicativo, que já são enviados para a cozinha.

Na hora de ir embora, ele fecha a conta e paga também pelo celular, sem precisar chamar ninguém, economizando tempo dele e do garçom.

Clique aqui e veja todas as formas que o isyBuy pode contribuir para deixar seu restaurante melhor com a tecnologia.

Gabriel, fundador do isyBuy, apaixonado por boa comida, cerveja e tecnologia. Cansado das filas resolveu criar uma soluçao para trazer agilidade na hora de pedir mais um drink e pagar a “dolorosa"