Nosso time foi cobrir o lançamento da mais nova loja digital que viralizou na internet em menos de 24 horas! A unidade do McDonald’s da Avenida Henrique Schaumann, em São Paulo, reabriu após um mês, trazendo um novo conceito de fast food inteligente.

Confira:

NOVOS ITENS

Ao entrar no novo Mcdonald’s nos deparamos com um visual bem diferente e moderno. O grande destaque são os grandes painéis onde são realizados os pedidos. Além disso, existem tablets com diversos aplicativos para distrair e informar os clientes e mesas com projeções interativas que entretém os consumidores.

 

NOSSA EXPERIÊNCIA

Os clientes estavam tão animados com a nova tecnologia que alguns deles acabaram brincando com a tela ao invés de realizar o pedido, gerando filas e um pouco de desconforto para outros.

Basicamente, o processo funciona assim: você realiza seu pedido (personalizando ou não) no totem, ao terminar, o pagamento pode ser feito em cartão ou dinheiro e após efetuado você recebe um ticket com senha para retirar o pedido.

Sentimos falta do pedido pelo celular, uma vez que grandes filas foram formadas diante dos painéis fazendo com que pessoas desistissem da compra ou mesmo de conhecer melhor o local.

 

PONTOS A MELHORAR

 

Não ficou claro que existiam duas filas separadas nos painéis para retirada dos pedidos.

Não organizaram local de espera e as pessoas se amontoaram no local de retirada, dificultando e impedindo a retirada do pedido no balcão.

Um dos painéis teve um defeito, porém este problema já foi corrigido.

 

CONCLUSÃO

 

Essa nova loja não só foca nos produtos que o “consumidor deseja” dando a liberdade de incluir alterações em pontos chaves da operação, como também proporciona uma grande experiência onde o consumidor tem todo o controle do seu pedido.

De acordo com Paulo Camargo, presidente da operadora do McDonalds no Brasil, a personalização do pedido é mais importante para os consumidores do que o tempo de espera por um lanche. “No passado, tudo tinha de ser muito rápido. Agora, o cliente topa esperar um pouco mais e receber um atendimento melhor”, diz.

 

FONTE: Mc Donalds Henrique Schaumenn Reforma